Músicas pirateadas tendem a ser as mais populares

emule-pirate-kerodicas

Depois de apresentarmos algumas notícias onde supostos grupos cívicos defendem os delicados e preciosos direitos de autor, chega a público esta notícia que não podíamos de deixar de partilhar:

Os sites de partilha de ficheiros ajudam os artistas pop a tornarem-se mais populares. As músicas mais pirateadas tendem a ser as líderes dos tops da especialidade, revela um estudo realizado pela PRS for Music.

O estudo sugere que os sites de partilha de ficheiros estão a tornar-se uma alternativa às estações de rádio, enquanto meio para ouvir música.

Realizada para analisar os novos padrões de consumo de música, a pesquisa teve por objectivo verificar se era possível tirar alguma lição para qual o caminho a seguir neste mercado. Muitos alegam que a variedade de escolhas na Internet pode dar origem a novos modelos de distribuição.

Segundo os autores do estudo, «a maior parte do volume (de vendas ou trocas) está concentrada em pequenas porções nas faixas disponíveis». Tal deve-se ao excesso de escolha existente nos sites de partilha.

A amplitude das músicas disponíveis, significa que as pessoas não têm tempo ou não querem pesquisar entre a enorme lista de temas aqueles que são os seus preferidos. Em vez disso, limitam-se a ouvir os que estão imediatamente acessíveis ou os que lhes são enviados pelos amigos.

O relatório revela ainda que, apesar de as músicas serem gratuitas, os utilizadores destes sites não ouvem títulos de artistas desconhecidos, pelo que este não é um bom meio para lançar novas bandas.

Fonte: Sol


Comentários

Um comentário de Músicas pirateadas tendem a ser as mais populares

  1. Pingback: Juventude Pirata Portuguesa » Apresentação!

Deixe um comentário

Hinweis: Durch Bereitstellung der Kommentierungsfunktion macht sich die Piratenpartei nicht die in den Kommentaren geschriebenen Meinungen zu eigen. Bei Fragen oder Beschwerden zu Kommentaren wenden Sie sich bitte über das Kontaktformular an das Webteam.

Deine E-Mail-Adresse wird nicht veröffentlicht. Erforderliche Felder sind markiert *

5 × 4 =

 

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Mais informações

Login

Assinaturas

No Data